Zoneamento Eólico do Rio Grande do Sul

Detalhes do projeto

Em novembro de 2012 a Fundação Estadual de Proteção Ambiental e o Sindicato da Indústria de Energia Eólica do Rio Grande do Sul (Sindieólica-RS) assinaram Termo de Cooperação Técnica para a Conclusão do Zoneamento Ambiental para Implantação de Parques Eólicos no Rio Grande do Sul. Logo a seguir, em função da experiência adquirida nos trabalhos de zoneamento ambiental da silvicultura e de bacias hidrográficas gaúchas, a equipe da Biolaw foi contratada para atuar em parceria com os técnicos da FEPAM, buscando elaborar o esperado zoneamento ambiental das áreas propícias para a instalação de empreendimentos eólicos.

Depois de dois anos de trabalho conjunto foi concluída a tarefa, resultando em um amplo e detalhado estudo de gestão ambiental que colocou o órgão estadual na vanguarda do setor. O mapa que sintetiza o estudo e a Portaria FEPAM resultante servem como orientação para o licenciamento e também para os interessados em investir em novos projetos.

 

Esse material está disponível a todos os interessados em http://www.fepam.rs.gov.br/eolica.asp.